Castrar ou não Castrar eis a questão

Dr. Mauro Lantzman©

 

Acasalar não melhora o gênio do cão macho.

 

Castrar não é frustrar o animal.

Castrar o macho não obrigatoriamente o deixa : mais calmo, menos destrutivo ou mais afetivo com crianças.

Os comportamentos sexuais dos machos e fêmeas continuam durante algum tempo.

O macho castrado pode ser atraído por uma fêmea no cio e pode até tentar cruzar.

Idade para castrar: após 4 meses de idade.

Após a castração não obrigatoriamente se observa aumento de peso

Efeitos da Castração sobre machos

COMPORTAMENTO
ALTERAÇÕES OBSERVADAS
Agressão a outros machos

Redução em 60 %   
Redução rápida em 25 %   
Redução gradual em 35 %
  

sem efeito em 10 %

Dominância sobre o dono Redução ao redor de 50 %
Marcação com urina Redução em 50 %  
Redução rápida em 20 %  
Redução gradual em 30%
Predisposição para montar outros cães e pessoas Declínio para montar em fêmeas no cio
Marcação com urina na casa Redução em 50 % dos casos  
Redução rápida em 20 %  
Redução gradual em 30 %
Tendência para fugir e andar solto (andarilho) Redução em 90 % dos casos  
Redução rápida em 45 %  
Redução gradual em 45 %  
sem efeito em 10 % dos casos

Efeitos e vantagens da castração - Fêmeas

 

Ausência de comportamentos sexuais (cio, prenhez, pseudociese)

 

Ausência dos comportamentos típicos de estro : movimentação, vocalizações, Nervosismo

Evita prenhez indesejada

Evita superpopulação

Evita o risco de infecção e trauma do coito

Evita complicações de gestação e parto

Evita infecções uterinas

Diminui o risco de tumor de mama (principalmente se castrada antes do primeiro cio)

Evita stresse físico e emocional de cio e pseudociese repetidos

Pode aumentar agressividade

 

Referências

Fogle, B. The dog's mind.Maxwell Macmillan, 1990

Hart,B. & Hart,L.A. The perfect puppy. N.York, W.H. Freeman and Co.1988

Schwartz, S. Canine and feline behavior problems. N.York, Mosby, 1996


 

Voltar a página inicial | Artigos | Livros